quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

37ª edição do Fantasporto a caminho


É já no próximo dia 20 de Fevereiro que tem início mais uma edição do Fantasporto, o maior festival de cinema do nosso país. Durante aproximadamente duas semanas o conhecido certame dedicado ao cinema fantástico exibirá cerca de 130 novos filmes com especial destaque para a longa-metragem de abertura «The Age of Shadows» [na imagem abaixo], de Kim Jee-woon, a aventura «A Ilha dos Cães» - que marca a última presença do malogrado Nicolau Breyner no grande ecrã - e uma retrospectiva ao cinema de acção de Taiwan.

“Continuamos a ser o maior festival de cinema do país”, afirma Mário Dorminsky
Em conferência de imprensa que decorreu ontem nas instalações do Cinema Novo, no Porto, o co-director do Festival Internacional de Cinema do Porto, Mário Dorminsky, revelou que 
apesar das dificuldades financeiras que a organização tem vindo a enfrentar nos últimos cinco anos, a edição deste ano terá mais filmes, países representados e convidados, os quais chegarão à centena e meia, mantendo todas as secçõesque são já uma das imagens de marca deste certame e procurando continuar a ser , simultaneamente, o maior festival de cinema do país e um circuito alternativo aos filmes das multinacionais exibidos em Portugal.

Em relação à programação desta 37ª edição, Dorminsky anunciou que 
as longas-metragens seleccionadas não serão posteriormente apresentadas nas salas de cinema nacionais, com a honrosa excepção do filme de abertura, «The Age of Shadows» - uma superprodução sul-coreana assinada por Kim Jee-woon, o vencedor da edição 2004 do Fantas com «História de Duas Irmãs» - entretanto já adquirido pela distribuidora Films4You.

Realce ainda para a Semana dos Realizadores Manoel de Oliveira, que terá como tema 
o chamado Cinema dos Nossos Dias - como revelou Beatriz Pacheco Pereira, co-directora do Fantasporto e cujo line up será apresentado em tempo oportuno -, as antestreias mundiais de «The Evil Within» - o filme de estreia de Andrew Getty, cineasta falecido em 2015 - e das longas-metragens nacionais «A Ilha dos Cães» [na foto abaixo] - o derradeiro filme protagonizado por Nicolau Breyner -, «A Floresta das Almas Perdidas», de José Pedro Lopes e «Comboio de Sal e Açúcar», de Licinio Azevedo, bem como de «Rewind», uma produção suíça de ficção científica liderada pelo cineasta português Pedro Joaquim.


Destaque também para a homenagem ao realizador holandês Ate de Jong, que irá marcar presença no festival com a sua obra-prima «A Culpa é do Fred» (1991) e ainda apresentará ao vivo e em primeira mão o seu mais recente filme, a comédia romântica «Love is Thicker than Water». Em evidência estarão igualmente as retrospectivas ao cinema de acção made in Taiwan durante as décadas de '50 e '60 e ao moderno cinema argentino, que terá os recentíssimos «White Coffin» [na imagem abaixo] e «Dead Man Tells His Own Tale» em competição.

Igualmente com presença assegurada no Festival Internacional de Cinema do Porto estará a prestigiada TV Globo, que irá apresentar em antestreia mundial diversas novelas e séries televisivas fantásticas, para além de duas longas-metragens - ainda a anunciar pela organização - que ajudou a produzir.


Para além das 96 sessões que terão lugar até ao próximo dia 5 de Março nas duas salas do Teatro Municipal Rivoli, no coração da cidade Invicta, a edição deste ano incluirá também uma nova secção de cinema dedicada ao público infantil e pré-adolescente intitulada «Mini Me», bem como conferências, workshops e uma exposição da artista plástica Catarina Machado.

Para continuares a acompanhar tudo sobre o 37º Festival Internacional de Cinema do Porto - Fantasporto visita o site oficial do certame em http://www.fantasporto.com/.
Enviar um comentário