sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Robert Redford anuncia final de carreira como actor


Após mais de 50 anos de carreira e incontáveis (e incontornáveis) performances, Robert Redford revelou numa entrevista ao site Walker Art Center que o seu trajecto como actor está prestes a chegar ao fim para assim poder conciliar, em definitivo, o percurso como cineasta e produtor com o mundo da pintura: "Estou a ficar cansado de representar. Sou uma pessoa impaciente, por isso é muito complicado para mim sentar e esperar take após take. Aos 80 anos pintar satisfaz-me muito mais, por não depender de ninguém. Sou só eu! É por isso mesmo que estou seriamente a considerar em dedicar-me a isso e deixar de actuar. Tenho dois projectos em desenvolvimento: «Our Souls at Night», um romance sobre segundas oportunidades, e «The Old Man and the Gun», com Casey Affleck. Assim que os terminar vou dizer 'Ok, é o fim, adeus a isto tudo!' e focar-me na produção e realização."

Um dos mais influentes e carismáticos artistas das décadas de '60 e '70, Redford tem no seu currículo dois Óscares® - um de Melhor Realizador pelo drama «Gente Vulgar» (1980) e outro Honorário pela carreira e criação do Festival de Cinema Independente de Sundance, bem como uma filmografia repleta de clássicos como «Dois Homens e Um Destino» (1969), «A Golpada» (1973), «O Grande Gatsby» (1974), «Os Três Dias do Condor» (1975), «Os Homens do Presidente» (1976), «África Minha» (1985) e «Proposta Indecente» (1993).


Recentemente, o octogenário foi visto no grande ecrã no remake «A Lenda do Dragão» , dos estúdios Disney, ao lado de Bryce Dallas Howard, Karl Urban e do pequeno Oakes Fegley.
Enviar um comentário