sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Critics Choice Movie Awards 2015: os vencedores


Já é conhecida a lista de vencedores dos Critics Choice Movie Awards, prémios entregues anualmente pela Broadcast Film Critics Association - a maior organização de críticos de cinema da América do Norte. "Boyhood - Momentos de Uma Vida" (na imagem), do texano Richard Linklater, foi o grande vencedor da noite obtendo quatro dos mais importantes galardões (Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Actriz Secundária e Melhor Jovem Actor/Actriz).
Aqui fica a lista completa de laureados do certame:

MELHOR FILME:
"Boyhood - Momentos de Uma Vida", de Richard Linklater

MELHOR REALIZADOR:
Richard Linklater ("Boyhood - Momentos de Uma Vida")

MELHOR ACTOR:
Michael Keaton ("Birdman")

MELHOR ACTRIZ:
Julianne Moore ("Still Alice")

MELHOR ACTOR SECUNDÁRIO:
J.K. Simmons ("Whiplash - Nos Limites")

MELHOR ACTRIZ SECUNDÁRIA:
Patricia Arquette ("Boyhood - Momentos de Uma Vida")

MELHOR JOVEM ACTOR/ACTRIZ:
Ellar Coltrane ("Boyhood - Momentos de Uma Vida")

MELHOR ELENCO:
"Birdman", de Alejandro González Iñárritu

MELHOR ARGUMENTO ORIGINAL:
"Birdman" (Alejandro González Iñárritu, Nicolas Giacobone, A. Dinelaris Jr. e Armando Bo)

MELHOR ARGUMENTO ADAPTADO:
"Gone Girl - Em Parte Incerta" (Gillian Flynn)

MELHOR FOTOGRAFIA:
"Birdman"

MELHOR DIRECÇÃO ARTÍSTICA:
"Grand Budapest Hotel"

MELHOR MONTAGEM:
"Birdman"

MELHOR CARACTERIZAÇÃO:
"Guardiões da Galáxia"

MELHORES EFEITOS VISUAIS:
"Planeta dos Macacos: A Revolta"

MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO:
"O Filme LEGO", de Christopher Miller e Phil Lord

MELHOR FILME DE ACÇÃO:
"Guardiões da Galáxia", de James Gunn

MELHOR ACTOR NUM FILME DE ACÇÃO:
Bradley Cooper ("Sniper Americano")

MELHOR ACTRIZ NUM FILME DE ACÇÃO:
Emily Blunt ("No Limite do Amanhã")

MELHOR COMÉDIA:
"Grand Budapest Hotel", de Wes Anderson

MELHOR ACTOR NUMA COMÉDIA:
Michael Keaton ("Birdman")

MELHOR ACTRIZ NUMA COMÉDIA:
Jenny Slate ("Obvious Child")

MELHOR FILME DE TERROR/FICÇÃO CIENTÍFICA:
"Interstellar", de Christopher Nolan

MELHOR FILME ESTRANGEIRO:
"Force Majeure" (Suécia), de Ruben Östlund

MELHOR DOCUMENTÁRIO:
"Life Itself", de Steve James

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL:
"Glory" ("Selma")

MELHOR BANDA SONORA ORIGINAL:
"Birdman" (Antonio Sanchez)
Enviar um comentário